Liga Árabre não consegue marcar reunião sobre Iraque

Os ministros de Relações Exteriores dospaíses da Liga Árabe não chegaram a um acordo sobre a data pararealização de uma reunião de cúpula para discutir a questão doIraque, depois de um dia de reuniões neste domingo. "Seguiremos estudando e voltaremos a conversar para decidirse faremos uma reunião especial", explicou o secretário-geralda Liga, Amr Mussa. O Iraque quer que os países árabes se esforcem mais paraevitar uma possível guerra baseada nas alegaçõesnorte-americanas de que o país esconde armas de destruição emmassa. Milhares de soldados norte-americanos estão estacionados embases nos países árabes ou em porta-aviões em suas costas. Diversos rascunhos de comunicados vazaram para a imprensa, masno final da reunião nenhum deles foi divulgado. O presidente do Egito, Hosni Mubarak, no sábado, defendeu arealização de uma reunião de emergência no dia 22. Enquanto isso, a Grécia, que atualmente ocupa a presidênciarotativa da União Européia (UE), informava acreditar que oprosseguimento das inspeções de armas da Organização das NaçõesUnidas (ONU) criou margem de manobras e pedia aos líderes árabespara que aproveitassem para forjar uma posição única parasolucionar a crise que envolve o Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.