Lima tem alimentos para apenas mais um dia

O abastecimento de alimentos em Lima está assegurado apenas até amanhã, devido a uma greve de caminhoneiros e empresas de transporte de passageiros. Hoje, o Ministério da Agricultura tentava adotar medidas para impedir a falta de comida na capital peruana. A paralisação foi iniciada ontem e não tem data para terminar. De acordo com o ministro da Agricultura José León, alguns comerciantes "inescrupulosos" estão aproveitando a greve para esconder produtos e subir os preços. Em La Parada, o principal mercado varejista de Lima, o volume de frutas e legumes era a metade do normal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.