Livro de Bush tem 220 mil exemplares vendidos no 1º dia

Em seu primeiro dia de vendas nas livrarias, o livro Decision Points (Pontos Decisivos, em tradução livre), memória do ex-presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, teve 220 mil exemplares comercializados nos EUA, mais de 20% deles em formato digital.

AE, Agência Estado

10 de novembro de 2010 | 19h41

A editora Random House anunciou hoje que as vendas do livro de Bush, baseadas nas informações de 95% dos clientes (livrarias), foram as mais altas desde 2004, quando o ex-presidente americano Bill Clinton lançou suas memórias My Life, que venderam 400 mil exemplares no primeiro dia de comercialização.

O livro de Bush, que começou a ser vendido ontem, num lançamento que contou com a presença do autor numa livraria de Dallas, teve tiragem inicial de 1,5 milhão de exemplares. A Random House afirma que vendeu 50 mil exemplares eletrônicos até agora, o que demonstra o acelerado crescimento do mercado de livros digitais nos EUA. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
livroBushvendasrecordeEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.