Locais judeus são evacuados em Helsinque por ameaça de bomba

A polícia finlandesa evacuou nesta quinta-feira uma sinagoga, uma escola e um asilo judeus no centro de Helsinque depois de o estabelecimento de ensino ter recebido uma ameaça de bomba. Segundo o sargento da polícia Juha Riitakorpio, mais de 100 pessoas foram retiradas dos locais. Não foi registrada nenhuma explosão e nenhuma bomba fora encontrada pelos cães farejadores. "A ameaça foi feita por telefone por uma pessoa aparentemente estrangeira falando em mau finlandês", disse Riitakorpio. Ele informou que a polícia levou a ameaça a sério devido à escalada da violência no Oriente Médio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.