Lojas fecham as portas por falta de mercadoria

A principal associação de comerciantes venezuelanos disse ontem que após as medidas anunciadas pelo governo - que obrigou os estabelecimentos comerciais a baixar o preço de seus produtos - muitos locais fecharam as portas por falta de mercadoria.

O Estado de S.Paulo

04 de janeiro de 2014 | 02h03

"Alguns pequenos e médios comerciantes abriram suas portas após o ano-novo, mas muitos não conseguiram simplesmente porque não têm mais nada para vender", afirmou Mauricio Tancredi, presidente do Conselho Nacional do Comércio e dos Serviços. De acordo com ele, o setor privado deveria dialogar com o Estado para encontrar soluções para a crise econômica. "Estamos muito pessimistas", disse Tancredi. / EFE e REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.