Quique Garcia/AP
Quique Garcia/AP

Londres investiga desaparecimento de criança britânica em atentado na Espanha

Primeira-ministra britânica diz que menor de idade de dupla nacionalidade está desaparecido desde ontem

O Estado de S.Paulo

18 Agosto 2017 | 12h10

LONDRES - As autoridades do Reino Unido investigam "urgentemente" o paradeiro de uma criança de nacionalidade britânica que figura entre os desaparecidos após o atentado da quinta-feira, 17, em Barcelona, disse a primeira-ministra Theresa May. m declarações desde sua residência em Chequers, a chefe do Executivo afirmou que, em consequência dos ataques contra transeuntes em Las Ramblas e em Cambrils (Tarragona), "alguns cidadãos britânicos" ficaram feridos.

May confirmou que o menor desaparecido tem dupla nacionalidade - entre elas, a britânica - mas não proporcionou a identidade da criança. Segundo a imprensa britânica, o menino desaparecido poderia ser Julian Cadman, um menor de sete anos que é procurado por sua família desde a Austrália. Aparentemente, esse menino estava em Barcelona (nordeste) com a mãe, que ficou ferida no atentado e está internada em um hospital da cidade com um quadro "grave", mas estável.

May também sublinhou que este país está ao lado da Espanha na hora de enfrentar o demônio do terrorismo e indicou que o governo britânico ofereceu toda a ajuda possível. "Tristemente, acreditamos que há alguns cidadãos britânicos que foram vítimas do atentado e estamos urgentemente estudando o caso de um menino que está desaparecido, que tem a dupla nacionalidade britânica", apontou a líder conservadora na declaração.

Até agora, os dois atentados terroristas perpetrados na Catalunha - em Las Ramblas de Barcelona na tarde da quinta-feira e na localidade de Cambrils durante a madrugada - deixaram até agora um balanço de 14 mortos e cerca de cem feridos. /EFE

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.