Lufthansa retoma parte de vôos cancelados

A companhia aérea alemã Deutsche Lufthansa AG informou que está retomando alguns dos vôos para o Oriente Médio que foram cancelados quando a guerra estourou no Iraque. De amanhã até segunda-feira, a operadora vai retomar vôos diários de Frankfurt para Tel-Aviv e de Frankfurt para Beirute. Passageiros que haviam reservado a viagem em vôos de Munique para Tel-Aviv serão transferidos para embarcarem em Frankfurt. A operadora afirmou que por enquanto não vai retomar os vôos para Amã, na Jordânia, e Dammã, na Arábia Saudita, através do Kuwait. A Lufthansa disse que vai monitorar a situação de perto e tomar mais decisões de acordo com os acontecimentos. No total, há 84 vôos por semana para o Oriente Médio na agenda normal da empresa, incluindo sete vôos por semana para o Irã, 17 para Israel, três para o Kuwait, nove para a Arábia Saudita, 21 para o Egito, três para Omã, 11 para os Emirados Árabes, quatro para o Sudão, quatro para a Jordânia e cinco para o Líbano.Veja o especial:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.