Lugo diz a Lula que protegerá brasiguaios

O presidente paraguaio, Fernando Lugo, garantiu ao presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, que os brasileiros produtores de soja não serão expulsos do Paraguai. A informação foi divulgada pelo diretor para assuntos internacionais da chancelaria paraguaia, Víctor Hugo Peña. Ontem, um grupo de camponeses deu um prazo de oito dias para os brasileiros abandonarem suas propriedades para que a reforma agrária proposta pelo governo seja realizada. Os brasileiros que vivem no Paraguai pediram a mediação de Lula para que possam fazer a colheita da soja e começar o plantio da safra de 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.