Lugo se diz 'renovado' pelo tratamento contra câncer

O presidente do Paraguai, Fernando Lugo, afirmou que se sentia "renovado" após a sua primeira sessão de quimioterapia realizada como parte do tratamento para combater um câncer do sistema linfático. Lugo disse que estava pronto para servir seu mandato, que termina em 2013. Lugo recebeu alta hoje do Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, dois dias após a primeira sessão de quimioterapia. "A saúde do presidente melhorou substancialmente", ressaltou o chefe de estado durante sua saída do hospital, de acordo com informações registradas no site oficial do Paraguai.

AE-AP, Agência Estado

14 de agosto de 2010 | 11h03

Lugo estava internado desde terça-feira no Hospital Sírio-Libanês. "É um tratamento de alguns meses e vamos segui-lo ao pé da letra para eu ficar bem e servir a este povo que nos elegeu e poder governar até 2013", destacou Lugo, segundo o comunicado distribuído no site. O político retorna ainda hoje ao Paraguai e deve comparecer ao Fórum Social das Américas, que começou na quarta-feira e termina neste domingo em Assunção, capital paraguaia.

Tudo o que sabemos sobre:
ParaguaiLugocâncer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.