Lula comete gafe ao elogiar limpeza de capital africana

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva cometeu há pouco em Windhoek, a capital da Namíbia, o que pode ser considerada sua maior gafe desde que assumiu o mandato. Em pronunciamento feito na presença do presidente daquele país, Sam Nujoma, Lula disse que não esperava encontrar na África uma cidade tão limpa como Windhoek."Estou surpreso porque quem chega a Windhoek, não parecer estar num país africano. Poucas cidades do mundo são limpas e bonitas", afirmou o presidente. Nujoma olhou para Lula e o puxou pelo braço enquanto o presidente brasileiro continuava a falar."A visão que se tem do Brasil e da América do Sul é de que somos todos índio e pobres", prosseguiu o presidente. Nesse ponto, o seu tradutor Sergio Ferreira o interrompeu e disse: "não estou entendendo presidente". Lula repetiu as mesmas palavras e concluiu: "A visão que se tem da África é de que são todos pobres."O presidente brasileiro e comitiva embarcam por volta das 17h (13h em Brasília) para Pretoria, a capital da África do Sul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.