Lula defende reforma urgente da ONU

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, defendeu, em discurso na conferência "Combatendo o Terrorismo em Prol da Humanidade", no Hotel Inter-Continental Barclay, a reforma urgente e modernização das Nações Unidas. Nos últimos meses, o Brasil tem feito uma campanha aberta em favor dessas reformas, especialmente pela ampliação do Conselho de Segurança, no qual pleiteia uma cadeira permanente. Ele disse que o principal obstáculo para uma cooperação mais efetiva dos países contra o terrorismo é de ordem política. Lula argumentou que o ódio dos extremistas não será dissipado com o emprego de métodos repressivos, mas sim com iniciativas diplomáticas legitimadas pelo direito internacional que possam revelar, igualmente, um compromisso claro com a democracia e inclusão social. Leia mais sobre o discurso de Lula na conferência contra o terrorismo: Presidente brasileiro critica iniciativas dos EUA na guerra ao terror.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.