Lula sobrevoa Haiti e se encontra com René Préval

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, logo que chegou ao Haiti, por volta das 13h30 (horário de Brasília), fez um sobrevoo de helicóptero pela cidade de Porto Príncipe, acompanhado pelo ministro da Defesa, Nelson Jobim, três comandantes militares entre outros ministros.

TÂNIA MONTEIRO, ENVIADA ESPECIAL, Agencia Estado

25 de fevereiro de 2010 | 15h46

Em seguida, o presidente foi ao batalhão do Brasil - Brabatt 1 - em companhia do presidente do Haiti, René Préval. Os dois conversam sobre os problemas do país e também sobre as medidas que o Brasil pode oferecer para ajudar o Haiti.

O presidente Lula tem insistido que, qualquer ajuda ao Haiti tem de passar pelo governo daquele país, tudo tem que ser feito em conjunto com o governo eleito do Haiti. Os dois presidentes devem assinar atos internacionais e, depois, darão entrevista e visitarão a sede do Viva Rio, no Haiti.

Depois da reunião, Préval e Lula vão assistir ainda a uma formatura das tropas brasileiras no Haiti. Ao todo, 1.266 homens das Forças Armadas estão no primeiro batalhão. Outros 400 chegaram há duas semanas para o segundo Batalhão, que terá outros 1.200 homens, ao todo.

Tudo o que sabemos sobre:
HaititerremotoLulaRené Préval

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.