Luz é restaurada para 915 mil clientes em parte dos EUA

As empresas de serviços públicos restauraram a energia elétrica para cerca de 915 mil casas e empresas no Nordeste dos EUA desde a tarde de sexta-feira, mas 2,5 milhões de clientes ainda não conseguiram ligar a eletricidade desde a passagem da supertempestade Sandy, afirmou o Departamento de Energia do país.

AE, Agência Estado

03 de novembro de 2012 | 15h04

A tempestade provocou um corte de energia para 8,5 milhões de residências e empresas em 21 Estados, o maior número de clientes afetados por uma tempestade desde que o Departamento de Energia começou a compilar os dados em 2003.

Em Nova Jersey, cerca de 1,280 milhão de clientes, ou 32% no Estado, estavam sem luz até a manhã deste sábado, segundo o departamento. Em Nova York, cerca de 875 mil clientes de serviços públicos não tinham energia.

O governo também retirou regras para o setor de combustível diante da falta de energia. A Agência de Proteção Ambiental (EPA, em inglês) disse que retirou temporariamente regras de ar limpo para o diesel combustível, em Nova Jersey, Pensilvânia e Nova York, permitindo que o óleo para aquecimento doméstico fosse usado em veículos de estrada ou em geradores, ou motores não-rodoviários se o diesel com baixo teor de enxofre não estiver disponível.

A medida se aplica a motores em Estados que estão usando a resposta de emergência, afirmou a EPA. Na sexta-feira, o Departamento de Energia liberou 2 milhões de galões de sua reserva de óleo de aquecimento doméstico para os esforços de resposta à tempestade. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
tempestadeEUAfuracãoSandy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.