Madeleine pode estar morta, diz polícia

A menina britânica Madeleine McCann, que desapareceu em Portugal há cem dias, pode estar morta, disse ontem o inspetor português Olegario Sousa. Essa foi a primeira vez que a polícia portuguesa reconheceu essa hipótese. Sousa afirmou que a suspeita ganhou força com a descoberta recente de traços de sangue no quarto de hotel onde a menina, de 4 anos, dormia com dois irmãos mais novos no dia em que desapareceu. Souza também afirmou que os pais de Madeleine, Kate e Gerry McCann, não são suspeitos no caso. Eles haviam deixado os filhos no quarto para jantar com amigos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.