Mãe de atirador de Toulouse é liberada

A mãe de Mohamed Merah, o homem acusado de matar sete pessoas em Toulouse, na França, foi solta sem sofrer acusações, segundo informações de seu advogado, Jean-Yves Gougnaud. Zoulika Aziri foi liberada no fim da sexta-feira, mas seu filho mais velho, Abdelkader Merah, e a namorada estão sob custódia da polícia em Paris.

AE, Agência Estado

24 Março 2012 | 16h00

As autoridades que investigam o caso querem descobrir se Mohamed Merah teve ajuda para a realização dos assassinatos. Ele é acusado de uma série de ataques que chocaram a França e agitou a corrida para as eleições presidenciais no país. Merah, que afirmou ter sido treinado pela rede terrorista Al-Qaeda, foi morto durante um tiroteio após um dramático cerco de 32 horas a sua casa.

Abdelkader viajou para Paris neste sábado junto com a namorada para ser interrogado. Segundo Gougnaud, o mundo de Aziri foi virado de cabeça para baixo. "Ela está arrasada", disse o advogado. "Em nenhum momento ela poderia imaginar que seu filho havia feito isso", afirmou. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Toulouse atirador

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.