ITN via AP
ITN via AP

Mãe de ex-espião envenenado faz apelo na TV russa para falar com ele 

Elena Skripal, apresentada pela emissora pública russa Pervyi Kanal como mãe do ex-agente duplo, foi exibida de pijamas, em um quarto, durante a transmissão de um talk-show noturno popular

O Estado de S.Paulo

21 Maio 2018 | 21h19

A mãe do ex-espião russo Serguei Skripal, envenenado com sua filha em março na Inglaterra e que teve alta na sexta-feira, 18, apareceu na televisão russa nesta segunda-feira, 21, para pedir às autoridades britânicas que lhe permitam falar com seu filho.

+Agente neurotóxico que envenenou ex-espião russo tinha ‘forma líquida’

Elena Skripal, apresentada pela emissora pública russa Pervyi Kanal como mãe do ex-agente duplo, foi exibida de pijamas, em um quarto, durante a transmissão de um talk-show noturno popular.

"Não vejo meu filho há 14 anos. Quero reencontrá-lo. Quero abraçá-lo forte, com meu coração. Tenho 90 anos. Por favor, deixem que eu faça apenas uma ligação ao meu filho", pediu a mulher. 

"Por que não lhe autorizam a ligar? Por que? Qual é a razão? Depois de tudo, quando ele estava em casa, falávamos todas as semanas. E agora, por alguma razão que ignoro, não estamos autorizados a falar. Peço que seja autorizado a falar comigo", acrescentou chorando. 

Skripal teve alta do hospital na sexta-feira. O envenenamento do ex-espião russo provocou uma grave crise diplomática entre Rússia, por um lado, e Reino Unido e seus aliados ocidentais, do outro. / AFP 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.