Mãe é julgada por filho com 'camiseta-bomba'

Uma muçulmana será julgada na França por apoio ao terrorismo, após mandar seu filho Jihad, de 3 anos, para a creche com uma camiseta estampada com a frase "Sou uma bomba". Atrás da peça, lia-se o nome do garoto e os dizeres "Nascido em 11 de setembro".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.