Magnata paga 19 anos por corrupção

O magnata Zhang Rongkun foi condenado ontem a 19 anos de prisão por seu envolvimento no escândalo dos fundos de pensão de Xangai, o maior caso de corrupção na última década na China. Zhang também teve sua fortuna de US$ 228 milhões confiscada. O escândalo, no qual US$ 408 milhões foram desviados, levou à condenação de cerca de 20 políticos e empresários de Xangai.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.