Maiores maremotos da história já mataram milhares

Maremotos, ou tsunami, geralmente disparados por terremotos submarinos, já causaram diversos grandes desastres ao longo da história. Referências a essas ondas gigantes aparecem em registros da Antigüidade, na Grécia em Roma, incluindo o maremoto que sacudiu o Mediterrâneo em 21 de julho de 365, matando milhares de pessoas em Alexandria, Egito. O terremoto que deu origem ao tsunami deste domingo é o quinto maior registrado desde 1900, e o maior dos últimos 40 anos. O maior terremoto já registrado ocorreu em 1960, no Chile, e atingiu magnitude 9,5. Outros tremores que superaram os 9 pontos de magnitude ocorreram no Alasca e na Península de Kamchatka, na Rússia.Entre os tsunami mais notáveis estão:26 de dezembro de 2004: o maior terremoto dos últimos 40 anos dispara ondas que viajam milhares de quilômetros e atingem as costas de cinco países asiáticos, matando mais de 8.000 pessoas.17 de julho de 1998: terremoto no fundo do mar dispara ondas que atingem o norte de Papua-Nova Guiné, matando 2.000 pessoas.16 de agosto de 1976: tsunami mata mais de 5.000 pessoas na região do Golfo Moro, nas Filipinas.28 de março de 1964: terremoto na Sexta-Feira Santa no Alasca dispara uma onda que submerge boa parte da costa, destruindo três vilarejos. A onda mata 107 pessoas no Alasca, quatro no Oregon e 11 na Califórnia.22 de maio de 1960: uma onda com altura estimada em mais de 11 metros mata 1.000 pessoas no Chile e causa danos no Havaí, onde 61 morrem, nas Filipinas, Okinawa e Japão, conforme avança pelo Pacífico. Este é o maior terremoto já registrado, com 9,5 pontos de magnitude.1º de abril de 1946: terremoto no Alasca gera tsunami que destrói o Farol North Cape, matando cinco pessoas. Horas depois as ondas chegam ao Havaí, matando 159. 31 de janeiro de 1906: um terremoto submarino afunda parte de Tumaco, Colômbia, e arrasta para o mar todas as casas na costa entre Rioverde, Equador, e Micay, Colômbia. O número de mortos é estimado entre 500 e 1.500.15 de junho de 1896: o tsunami Sanriku atinge o Japão sem aviso. A onda, com altura estimada em mais de 23 metros, cai sobre uma multidão que celebrava uma cerimônia religiosa, matando mais de 26.000.27 de agosto de 1883: a erupção do vulcão Krakatau (ou Krakatoa) gera uma onda gigantesca que varre os litorais de Java e Sumatra, matando 36.000 pessoas.1º de novembro de 1775: o terremoto de Lisboa gera uma onda de 6 metros que atinge as costas de Portugal, Espanha e Marrocos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.