Maioria dos israelenses aprova ataque ao Iraque

Quase dois em cada três israelenses são a favor de um ataque norte-americano contra o Iraque, segundo uma pesquisa divulgada hoje pelo diário israelense Yediot Aharonot. O total de 61% dos entrevistados considera que "Israel tem interesse num ataque" norte-americano, contra 33% que são de opinião contrária e 6% que não se manifestaram. Por outro lado, 57% das pessoas interrogadas afirmaram "não temer pessoalmente um ataque iraquiano", contra 41% que exprimiram opinião contrária, não tendo os restantes qualquer posição. A mesma enquete revelou que 70% dos israelenses afirmam ter receio de ser vítimas "de um ataque terrorista". Durante a Guerra do Golfo, em 1991, o Iraque lançou 39 mísseis Scud de ogiva convencional contra território israelense. A pesquisa foi realizada pelo Instituto Dahaf, junto de uma amostra de 505 pessoas representativa da população adulta de Israel, com uma margem de erro de 4,5%.

Agencia Estado,

27 Dezembro 2002 | 08h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.