Maioria dos salvadorenhos quer tropas de volta do Iraque

A grande maioria dos salvadorenhos (72%) quer a volta imediata de um segundo grupo de militares enviado em fevereiro ao Iraque, de acordo com uma pesquisa da empresa Cid Gallup. A sondagem, patrocinada pelo jornal El Diario de Hoy e a Telecorporación, revelou também que os salvadorenhos se opõem ao envio de um terceiro contingente, previsto para agosto. Ainda de acordo com a pesquisa, apenas 21% dos salvadorenhos acreditam que os militares devam completar a missão até agosto, tal como defendem o presidente Francisco Flores e o presidente eleito Tony Saca, que assume em 1º de junho. O levantamento revelou também que 77% dos entrevistados desaprovam o envio de um terceiro contingente, enquanto que outros 14% consideram a medida necessária.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.