Mais chuvas fortes matam 36 no noroeste da China

Mais de mil já morreram por causa das inundações e deslizamentos de terra no país

Reuters

17 de agosto de 2010 | 04h22

BEIJING - Segundo a agência de notícias Xinhua, nesta terça-feira, 17, as chuvas fortes no noroeste da China mataram pelo menos 36 pessoas. Mais de mil já morrem nos deslizamentos de terra nas últimas duas semanas, 23 pessoas estão desaparecidas.

As tempestades em Longnan, na pobre e remota província de Gansu, feriram 295 e provocou a evacuação de mais de 120 mil moradores por causa dos deslizamentos de terra e das cheias dos rios.

Este mês os bairros do distrito de Zhouqu ficou inundado por uma avalanche de lama após as incomuns e fortes chuvas. O número de mortos subiu para 1.254, com centenas que ainda não foram contados.

Mais chuvas são esperadas em Zhouqu para os próximos dias, disse a Xinhua.

Neste ano, cerca de mil pessoas já morreram por causa das inundações no centro, sudeste e nordeste da China.

Tudo o que sabemos sobre:
China, chuva, forte, deslizamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.