Mais de 10 num apartamento de um quarto

Os imigrantes partem para os lugares onde possuem redes de relação, muitas vezes com o emprego garantido. Dificilmente um imigrante parte para uma cidade onde não tenha nenhum conhecido. Quando decidem imigrar, já sabem para onde pretendem ir. Os homens brasileiros costumam trabalhar na construção e as mulheres na limpeza e até mesmo com strip-tease, afirma Ramona Ortega, da ONG Cidadão Global.

, O Estado de S.Paulo

29 de agosto de 2010 | 00h00

"Muitas vezes, os imigrantes moram em mais de dez em apartamentos de um quarto", diz Gabrielle Oliveira. "Fiquei com o meu primo. Apesar de parente, ele me colocou no chão e não me dava comida. Via todos ao redor da mesa, comendo alguma coisa chinesa, e eu olhando", conta o equatoriano Roberto.

De acordo com Nalícia Tracy, do Brazilian Immigrant Center, muitos dos imigrantes atuais têm menos educação do que os da década de 80. "Eles fugiam da inflação e da crise no Brasil. Os de agora vêm por trabalho mesmo", diz. Apesar de a economia no Brasil estar bem, eles ainda encontram salários mais altos quando migram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.