Mais de 300 carros são incendiados na França no réveillon

A polícia francesa deteve 258 pessoas que provocaram incidentes na noite de Ano Novo, durante a qual 313 carros foram incendiados, informaram nesta segunda-feira, 1º de janeiro, fontes policiais.O número de detidos diminuiu em relação aos dois anos anteriores, quando houve 362 detenções (2005) e 272 (2004). Também diminuíram os automóveis queimados: em 2005 foram 425, e em 2004, 333.Segundo a polícia, não houve confrontos organizados com grupos de jovens, nem problemas nos meios de transporte públicos.Em Paris quase não houve problemas. Cerca de 400 mil pessoas se reuniram nas ruas para festejar a chegada de 2007. A Prefeitura tinha mobilizado 4.500 agentes na capital para evitar possíveis incidentes. Em todo o país, os policiais e gendarmes de serviço foram mais de 25 mil.O destacamento policial foi acompanhado de restrições à circulação de veículos por algumas regiões, assim como a proibição de morteiros e fogos de artifício particulares, da venda de bebidas alcoólicas para consumo na rua e da posse de garrafas de vidro.A cidade mais afetada pelos incêndios de carros foi Estrasburgo, com 28, seguida de Le Havre, com 12.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.