Mais de 5 mil indonésios se manifestam contra ataques israelenses

Mais de cinco mil indonésios muçulmanos se reuniram em Jacarta para protestar contra os ataques militares israelenses no Líbano e na Faixa de Gaza, informou a agência oficial de notícias Antara.Os manifestantes, entre eles mulheres com seus filhos, erguiam cartazes com frases como "Recupere a Palestina!" e "Liberte a Palestina e o Líbano da arrogância de Israel!"Segundo os organizadores, a manifestação tem como objetivo demonstrar solidariedade com os dois povos afetados pelos recentes ataques do Estado judeu, além de reunir fundos para os palestinos.A maioria dos manifestantes, que carregava bandeiras palestinas e libanesas, era simpatizante do Partido de Justiça Próspera, que nas últimas eleições legislativas obteve 45 das 550 cadeiras do Parlamento indonésio.A Indonésia, país com a maior população muçulmana do mundo, defende a criação de um Estado palestino e não tem relações diplomáticas com Israel.O governo de Jacarta condenou os ataques militares feitos por Israel contra a Faixa de Gaza e o Líbano e pediu a retomada das conversas de paz do Oriente Médio.A última crise no Oriente Médio começou na quarta-feira passada, quando o grupo xiita libanês Hezbollah matou oito soldados israelenses e seqüestrou dois.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.