Mais de 70 insurgentes são mortos no Afeganistão

Cerca de 70 a 80 militantes taleban foram mortos por soldados da Otan em confrontos no final de semana no sul do Afeganistão, após a polícia afegã revelar às autoridades militares onde insurgentes haviam se reunido, segundo afirmação de um policial nesta segunda-feira. Os soldados da Otan não sofreram baixas no confronto na província de Helmand entre sábado e domingo, segundo o major Luke Knittig, porta-voz da Força Internacional de Assistência à Segurança. O comandante em solo estimou que entre 70 e 80 militantes foram mortos. O confronto se deu no distrito de Musa Qala, da província de Helmand, do lado de fora da cidade de Musa Qala, onde tropas britânicas haviam se retirado no início deste ano após acordo com anciões tribais, de que manteriam os combatentes taleban fora da cidade, de acordo com Knittig. "Os anciões, até onde eu entendo, tem influência extraordinária, mas essa influência não se espalha por todo o distrito, só na cidade", disse Knittig. "Vinte ou 30 quilômetros fora da cidade não é o mesmo que dentro da cidade".Forças de segurança afegãs disseram às forças da Otan sobre o aumento, nas últimas semanas, de atividade insurgente na área entre Musa Qala e os distritos de Nazwad, segundo Knittig. Cerca de 100 a 150 soldados dinamarqueses, junto com as forças afegãs, lutaram contra os insurgentes,

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.