Mais de dois terços dos alemães querem a suspensão dos bombardeios

Mais de dois terços dos alemães, segundo pesquisa de opinião, são a favor de uma pausa dos bombardeios no Afeganistão para permitir a ajuda humanitária à população. A pesquisa do Instituto Forsa para o semanário Die Woche indica que 69% dos entrevistados apóiam o pedido dos Verdes (partido da coalizão governista) e de organizações humanitárias para que sejam suspensos os ataques contra o regime do Taleban a fim de permitir que os refugiados e a população afegã recebam a ajuda. Por outro lado, cerca de 60% dos entrevistados se manifestaram contrários à participação de soldados alemães no atual conflito, e apenas 41% apoiaram as declarações de plena solidariedade para com os EUA feitas pelo primeiro-ministro Gerhard Schröeder. Leia o especial

Agencia Estado,

24 Outubro 2001 | 22h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.