Mais um caso atribuído aos franco-atiradores de Washington

Mais uma tentativa de assassinato foi somada à saga dos franco-atiradores que aterrorizaram a região de Washington durante algumas semanas e deixaram um rastro de 10 mortos, informou neste sábado a polícia do condado de Montgomery, no Estado norte-americano de Maryland.A nova vítima, um homem de 22 anos, foi ferida em frente a uma adega, e "o disparo foi conectado oficialmente aos outros ocorridos na região", informou a polícia. As vítimas dos dois supostos franco-atiradores, John Allen Muhammad e o adolescente John Lee Malvo, que estão detidos, somam agora 14, sendo 10 mortos e quatro feridos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.