Mais um italiano morre devido a atentado em Nassíria, o 19º

Um soldado italiano ferido num ataque suicida no Iraque morreu hoje (15) depois de terem sido desligados os aparelhos que o mantinham vivo. Assim, subiu para 19 o número dos italianos mortos no atentado de quarta-feira na cidade sulista iraquiana de Nassíria. O pai, mãe e dois irmãos de Pietro Petrucci, 22 anos, voaram de Casavatore, perto da cidade sulista italiana de Nápoles, até o Kuwait e foram informados pelo hospital que o rapaz estava com morte cerebral. "Hoje, eles decidiram desligar as máquinas", informou um diplomata ocidental que pediu para não ser identificado. Também hoje, forças britânicas em Basra negociavam a libertação do jornalista português da emissora de rádio TSF Carlos Raleiras, seqüestrado na sexta-feira no sul do Iraque. Os seqüestradores estariam pedindo um resgate de US$ 50 mil, segundo a emissora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.