Major Jalloud desertou do regime de Kadafi

Insurgentes líbios disseram na noite desta sexta-feira que o major Abdel Salam Jalloud, amigo próximo do governante líbio Muamar Kadafi e que entre 1974 e 1993 foi considerado a segunda pessoa mais importante no regime líbio, desertou e fugiu de Tripoli, escapando para as montanhas no oeste da Líbia. A informação partiu do porta-voz do insurgentes em Benghazi, Mahmoud Shamman. Segundo ele, Jalloud fugiu para as montanhas no oeste líbio e está indo para a Europa.

AE, Agência Estado

19 de agosto de 2011 | 19h09

Jalloud participou da revolução liderada por Kadafi que em 1969 derrubou a monarquia do rei Idris I. Durante duas décadas, ele foi o homem mais confiável de Kadafi no regime, mas no começo da década de 1990 começou a se desentender com o governante. Outro funcionário insurgente, Abdel Hafiz Ghoga, disse que a deserção de Jalloud "é uma garantia de que Kadafi está enfraquecendo".

As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaKadafiJalloud

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.