Malásia aprova casamento de jovens de 13 anos

Uma menina e um menino, ambos de 13 anos, se casaram na Malásia com a aprovação das autoridades civis e religiosas muçulmanas, um mês depois de se conhecerem, informou nesta sexta-feira, 9, a imprensa local.Os jovens se casaram na quinta-feira, 8, no estado de Terengganu, no nordeste do país, uns dos mais conservadores. Outros nove casais, todos de adultos, participaram da cerimônia coletiva, organizada pelo governo regional para valorizar o casamento, segundo o jornal malaio The Star.Segundo a legislação do país, os muçulmanos podem se casar mesmo sendo menores, desde que tenham a permissão dos pais. Os fiéis de outras religiões podem se casar quando atingem a maioridade, estabelecida em 21 anos, ou a partir dos 16 anos com a permissão paterna.Os casamentos de menores são comuns nas áreas rurais de outros países do Sudeste Asiático, como o Camboja, Birmânia (Mianmar), Vietnã e Tailândia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.