Malásia: mulher é condenada a pagar multa por separar casal

Um tribunal de justiça da Malásia condenou uma mulher a pagar 10 mil ringgit (? 2.170) por ser a causa do fimdo casamento do seu amante, informou nesta sexta-feira, 9, a imprensa local.A mulher, segundo a sentença, deverá pagar a indenização àex-mulher de seu amante. O tribunal declarou a ré culpada de manter um relacionamento com um homem casado.Além disso, o tribunal condenou o adúltero, um dentista de 61 anos, a pagar à sua ex-mulher, por perdas e danos, 115 mil ringgit (? 24.955), além de uma pensão mensal.Na Malásia, país de maioria muçulmana, o adultério é punido com rigor pela legislação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.