Malásia prede iraniano suspeito de ataque na Tailândia

A polícia da Malásia informou que o terceiro iraniano suspeito de envolvimento nas explosões ocorridas em Bangcoc foi detido no país. O comunicado da polícia federal malaia diz que Masoud Sedaghatzadeh era investigado por atividades relacionadas ao terrorismo ligadas às explosões na capital tailandesa, um dia antes.

AE, Agência Estado

15 de fevereiro de 2012 | 11h43

O porta-voz Ramli Yoosuf disse que a polícia não poderia dar mais detalhes sobre onde e como o suspeito foi detido nesta quarta-feira ou se Sedaghatzadeh será extraditado.

Segundo o governo tailandês, três homens tentaram fugir na terça-feira quando explosivos foram detonados por engano numa casa que eles haviam alugado. Um homem ficou seriamente ferido e outro foi detido em Bangcoc. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
MalásiaTailândiairanianosuspeito

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.