Manifestação de milhares de xiitas contra a monarquia é reprimida pela polícia

Manifestantes pró-democracia no Bahrein enfrentaram ontem a polícia na capital, Manama. Eles tentavam chegar à Praça da Pérola, centro das manifestações do ano passado da maioria xiita contra a monarquia sunita Al-Khalifa. Dezenas de milhares de xiitas reuniram-se em Jidhafs, nos arredores da capital. Os ativistas, em sua maioria jovens, atiraram pedras contra os policiais e foram reprimidos com bombas de gás lacrimogêneo. Não houve vítimas. Os protestos no Bahrein voltaram a crescer nos últimos dias em razão do Grande Prêmio de Fórmula 1, realizado no circuito de Sakhir, na semana passada. Os manifestantes queriam que a corrida fosse boicotada por pilotos e equipes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.