Manifestantes defendem 'caçador de policiais'

Dezenas de pessoas protestaram em Los Angeles contra a morte de Christopher Dorner, o ex-policial investigado por matar quatro pessoas e ameaçar outros agentes em um manifesto. Dorner morreu em um incêndio quando estava cercado pela polícia em uma casa após uma caçada. Os manifestantes acusam policiais de terem iniciado o fogo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.