Manifestantes desafiam estado de exceção

TAILÂNDIA

, O Estado de S.Paulo

09 de abril de 2010 | 00h00

Os "camisas vermelhas", manifestantes de oposição ao governo tailandês, desafiaram ontem o estado de exceção declarado na véspera em Bangcoc e intensificaram os protestos pedindo eleições antecipadas. Forças de segurança tiveram de ser deslocadas para os acessos que levam à capital tailandesa com o objetivo de impedir a entrada de mais manifestantes na cidade. No restante do país, foram registrados outros 17 protestos contra o governo. Ontem, para tentar controlar a organização dos manifestantes, as autoridades tailandesas cortaram o sinal de transmissão da emissora PTV - única que apoia os protestos - por incitar à violência e à subversão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.