Manifestantes exigem renúncia de premiê

Mais de 16 mil manifestantes cercaram ontem o Parlamento tailandês, cortando o fornecimento de energia e impedindo a realização de uma sessão plenária. Há cinco meses a população protesta contra o governo, exigindo a renúncia do premiê, Somchai Wongsawat. No Peru, onde participa de uma cúpula econômica, Wongsawat garantiu que não renuncia.

O Estadao de S.Paulo

25 de novembro de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.