Manifestantes indianos atacam pizzaria por disputa diplomática com EUA

Polícia diz que não houve feridos no ataque, provocado por prisão de diplomata indiana em Nova York

O Estado de S. Paulo,

20 de dezembro de 2013 | 08h41

Ativistas de um pequeno grupo político indiano atacaram uma loja da pizzaria Dominos em um bairro de Mumbai nesta sexta-feira, 20, exigindo uma proibição a produtos dos Estados Unidos até que o governo norte-americano peça desculpas pela prisão de uma diplomata indiana em Nova York.

A polícia disse que não houve feridos no ataque, que aconteceu num momento em que os dois países tentam diminuir a tensão sobre a prisão e consequente revista de Devyani Khobragade em um caso sobre suposta fraude de visto.

O Partido Republicano da Índia, que realizou o ataque, enviou fotos para organizações de mídia mostrando a porta de vidro da loja quebrada. O partido disse que deseja que os EUA retirem as acusações contra a diplomata indiana. / REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
ÍndiaEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.