Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Manifestantes invadem escritório de Hillary

Cinco manifestantes realizaram ontem à noite um protesto pacífico dentro do escritório da senadora Hillary Rodham Clinton, em Manhattan, exigindo que ela votasse contra uma autorização de guerra ao Iraque. Hillary, democrata de Nova York, votou a favor da resolução do Senado, aprovada na manhã de hoje, garantindo ao presidente George W. Bush o uso de força contra o líder iraquiano Saddam Hussein."Ela não está ouvindo os eleitores", disse Jane Hirschmann, um dos organizadores do protesto. "Ela tem que votar de acordo com a vontade do povo". Ambas as casas do Congresso aprovaram a resolução e a enviaram à Casa Branca."Apoiar a resolução foi a decisão mais difícil de minha vida, mas faço isso com convicção. Quero que este presidente, ou qualquer futuro presidente, esteja na posição mais forte possível para liderar o nosso país, nas Nações Unidas ou na guerra", disse Hillary durante o debate no Senado.Funcionários do escritório se reuniram com os manifestantes e lhes serviram bebidas. Os manifestantes deixaram o local voluntariamente às 22h de ontem (horário local), cerca de nove horas depois de terem chegado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.