Manifestantes tibetanos são detidos no Nepal

A polícia do Nepal reprimiu hoje um protesto de exilados tibetanos em frente à Embaixada da China e deteve mais de 400 manifestantes. Uma fonte policial disse que os manifestantes tentaram atacar o escritório de vistos da representação em Katmandu, violando uma proibição de demonstrações na área. Gritando palavras de ordem contra a China, os manifestantes conseguiram chegar até os portões do local, onde foram recebidos pelos policiais que os prenderam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.