Manifestantes voltam a ocupar região do Zuccotti Park, em NY

Na madrugada desta terça, 15, uma operação da polícia despejou à força 200 pessoas que dormiam no local; protestos também continuam nas calçadas

Lucia Guimarães, NOVA YORK,

15 de novembro de 2011 | 19h02

Horas depois de uma operação surpresa que despejou à força 200 manifestantes dormindo nas barracas do Zuccotti Park, o movimento 'Ocupe Wall Street' não dava sinais de desânimo, na tarde desta terça-feira, 15.

Os manifestantes, a polícia, a mídia e os turistas voltaram ao local onde o movimento começou, há 2 meses. A diferença é que o Zuccotti Park, recém-lavado por mangueiras na madrugada, estava cercado por barricadas e ocupado, não por manifestantes, mas por policiais. Os protestos continuaram nas calçadas.

O Prefeito Mike Bloomberg tinha prometido devolver o parque aos manifestantes, às 8 da manhã, sob a proibição de instalar barracas ou sacos de dormir. Mas, uma moção judicial dos advogados do Ocupem Wall Street, questionando a ação policial de despejo, fez o governo municipal adiar a reabertura do Zuccotti Park.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.