Manning absolvido de acusação de 'ajuda ao inimigo'

A justiça militar dos Estados Unidos considerou o soldado Bradley Manning culpado de uma série de crimes relacionados ao vazamento de segredos do país à plataforma digital WikiLeaks, mas o absolveu da acusação de "ajuda ao inimigo", a mais grave que pesava contra ele. Se fosse considerado culpado de "ajuda ao inimigo", Manning poderia ser condenado a pena máxima de prisão perpétua. Fonte: Associated Press.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.