Mapa revive tensão na fronteira entre Guiana e Suriname

Uma longa disputa por território fez a Guiana se recusar a participar de uma conferência no vizinho Suriname. O encontro estava marcado para o mês de junho e iria tratar de oportunidades de exploração de petróleo e gás nos dois países.

AE, Agência Estado

08 de abril de 2014 | 16h33

No entanto, um mapa distribuído por oficiais do Suriname, mostra a região do Triângulo do Rio Novo como parte do Suriname. Tropas da Guiana invadiram a região em 1969 e a ocupam desde então, prolongando a tensão entre os países.

O ministro dos Recursos Naturais da Guiana, Robert Persaud, afirmou nesta terça-feira que o mapa em questão é uma "violação da nossa integridade territorial". O Suriname não respondeu a nota diplomática de protesto. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
GuianaSuriname

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.