Marcha reúne milhares de pessoas em Taiwan

Milhares de pessoas participam hoje de uma passeata pela capital de Taipé em protesto contra a visita programada de um enviado de alto escalão da China, argumentando que a viagem faria parte dos esforços de Pequim para impor seu controle sobre a ilha autônoma. Vários manifestantes vestem camisetas onde se lê "Defenda Taiwan" e acusam o presidente taiwanês, Ma Ying-jeou, de fazer muitas concessões ao governo de Pequim, flexibilizando rapidamente as restrições sobre comércio e investimentos com a China.O ato organizado pelo oposicionista Partido Democrático Progressivo é um revés aos esforços adotados por Ma para ter ligações mais amigáveis com a China desde que assumiu o governo em maio. Chen Shui-bian, seu antecessor, foi um defensor de políticas pró-independência e anti-chinesas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.