Marido mata a mulher internada em hospital

Um italiano de 77 anos invadiu ontem o quarto de um hospital em Prato, na região da Toscana, e matou sua mulher, que sofria de mal de Alzheimer, com três tiros. A mulher, de 82 anos, sofria há oito da doença, que afeta o cérebro. O italiano, que está preso e cuja identidade não foi revelada, disse que queria pôr fim ao sofrimento da esposa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.