Marrocos reconhece Conselho rebelde como governo líbio

O Marrocos reconheceu oficialmente nesta segunda-feira o Conselho Nacional de Transição da Líbia, que representa o governo provisório dos insurgentes em Benghazi, como legítimo governo do país do Magreb. No domingo, a Tunísia tornou-se o primeiro país do Magreb a reconhecer o Conselho dos rebeldes como governo legítimo líbio.

AE, Agência Estado

22 de agosto de 2011 | 19h20

"O Reino do Marrocos confirma hoje o reconhecimento do Conselho Nacional de Transição como o único representante legítimo do povo líbio e responsável por suas aspirações de um futuro melhor baseado na igualdade, justiça, democracia e império da lei", disse o ministro das Relações Exteriores do Marrocos, Taieb Fihri, na televisão estatal marroquina.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaMarrocosMohammed VIMagreb

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.