McCain tenta animar eleitor com escolha da vice

O candidato John McCain aposta na Convenção Republicana para acabar com o "déficit de entusiasmo" de sua candidatura. Enquanto o democrata Barack Obama atrai milhares de voluntários e multidões para seus comícios, os eleitores de McCain estão mais conformados do que entusiasmados. A escolha de Sarah Palin, governadora do Alasca, trouxe um jato de ânimo para a campanha e energizou os conservadores em questões sociais. Agora, McCain precisa aproveitar esse embalo para decolar nas pesquisas. Para Michael Fauntroy, professor de política pública da George Mason University, a principal missão de McCain na convenção é "energizar os republicanos ao redor do país e convencê-los de que ele realmente tem chance de vencer a eleição". Embora McCain e Obama estejam virtualmente empatados nas pesquisas, a percepção dos eleitores do republicano é a de que ele não tem muitas chances em novembro.A escolha de Sarah pode ter recuperado um pouco do otimismo dos eleitores. "McCain roubou parte do holofote de Obama com a escolha de Sarah Palin", diz o estrategista republicano Hollis Felkel. "Palin atua no déficit de entusiasmo da candidatura e deve animar eleitores e delegados."A vice de McCain ajuda principalmente a conquistar votos entre os conservadores em questões sociais, por sua forte oposição ao aborto, casamento gay e apoio ao lobby das armas. Mas outros grupos continuam desanimados: os independentes e a classe operária. Amanhã, primeira noite da convenção, Bush - um dos mais impopulares presidentes da história, com aprovação em 30% - será o principal orador. O vice-presidente Dick Cheney, que consegue ser ainda menos popular que Bush, também vai subir ao pódio nesta noite. A campanha está tentando equilibrar o calendário da convenção com alguns dos famosos pesos pesados do partido, como o governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, e o senador independente Joseph Lieberman, grande amigo de Mc Cain. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.