Médico diz que Saddam recebeu tratamento contra o câncer

O dirigente iraquiano Saddam Husseinrecebeu tratamento contra um tipo de câncer, sofre de dores nascostas e faz exercícios para manter-se em forma, disse nestasexta-feira um jornal parisiense. O diário Le Figaro atribuiu a um médico francêsnão-identificado a declaração de que os especialistasdiagnosticaram em 1998 que Saddam tinha um câncer linfático eque um grupo de colegas franceses havia ido a Bagdá parainstalar um equipamento de radioterapia em um dos palácios dogovernante. O médico esteve várias vezes em Bagdá para tratar de seucliente, Saddam, disse o jornal. Le Figaro deu a entender que ocâncer de Saddam retrocedeu. A notícia acrescentou que Saddam sofre de dores nacoluna devido a uma hérnia de disco. Para manter-se emform faz exercícios diários. O médico também disse que Saddam não dá a impressão deestar doente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.