Médico garante que refém israelense está bem

O vice-primeiro-ministro do Hamas informou neste sábado que o soldado israelense capturado por militantes palestinos recebeu tratamento médico para seus ferimentos e está em condição estável. O ministro Ziad Abu Aen afirmou que "mediadores" não identificados o informaram que o soldado Gilad Shalit, capturado no domingo em Israel, ficou ferido durante o incidente. "Ele possui três ferimentos. Causados por fragmentos de balas, eu suponho", disse Abu Aen. O ministro não forneceu mais detalhes. O médico palestino que visitou o soldado israelense capturado por milícias palestinas garantiu que ele se encontra em bom estado, e que sofreu ferimentos no abdome e no ombro, informou neste sábado a rádio pública israelense.Uma importante fonte da Autoridade Nacional Palestina (ANP) disse à emissora que o médico visitou o soldado Guilad Shalit, aparentemente, na quinta-feira.A fonte explicou que as três milícias que mantêm o soldado em cativeiro não queriam permitir visitas médicas. Mas cederam a pressões do Egito e, após uma autorização dos líderes políticos do Hamas no exílio, autorizaram a consulta.O relatório sobre o estado de saúde do soldado, que não sofreu hemorragias, foi transmitido a Israel na quinta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.