Médicos acham coágulo e Hillary é internada

A secretária de Estado, Hillary Clinton, foi internada ontem em um hospital de Nova York por causa de uma trombose na perna. De acordo com a rede de televisão CNN, os médicos do New York Presbyterian Hospital encontraram "algo incomum" nos exames, referindo-se aos coágulos nas pernas. No dia 15, Hillary sentiu-se mal, desmaiou e sofreu uma queda, em crise que foi provocada por uma desidratação decorrente de problemas digestivos. Após a descoberta do coágulo, Hillary deve ficar em observação por 48 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.